Europe – Last Look at Eden

Suecos mostram novamente que voltaram pra ficar.

Há cerca de 6, 7 anos, o mundo da música sofreu de uma tremenda onda nostálgica voltada para, especialmente, o hard rock produzido nos anos 1980. Talvez tenha sido um movimento impulsionado pela falta de novidades relevantes no mercado – especialmente o estadunidense – que já tinha esquecido o Grunge e percebido que o tal do “New (Nu) Metal” era uma porcaria sem tamanho que não teria qualquer futuro. Mais ou menos o que deve acontecer com o tal “happy rock” aqui no Brasil.

O fato é que diversas bandas que foram grandes naquela década ensaiaram reuniões e excursões nostálgicas. Algumas delas, como o Twisted Sister, vieram com o claro propósito de aproveitar a onda para juntar uns trocados, enquanto outras viram esse renovado interesse pelo hard rock para voltar aos holofotes da mídia de maneira mais proveitosa. Nesse segundo grupo, encontra-se o Europe.

Qualquer um que foi adolescente – ou quase – nos idos da segunda metade de 1980 se recorda do teclado pegajoso de “The Final Countdown”, a música mais marcante da banda. Muitos, inclusive, encaixam o Europe na famosa categoria de “banda de uma música só”, ignorando a qualidade presente na maior parte dos trabalhos do grupo.

Formada em 1979, a banda mudou seu nome inicial de “Force” para Europe em 1983 e lançou cinco álbuns entre essa data e 1991: “Europe”, “Wings of Tomorrow”, “The Final Countdown”, “Out of This World” e
“Prisoners in Paradise”. “The Final Countdown”, como dito acima, foi o álbum da banda que obteve o maior sucesso, seja devido à faixa título, seja a baladas melosas como “Carrie”. No fim de 1992, a banda resolveu se separar e cada um foi pro seu canto. O guitarrista John Norum foi um dos membros mais ativos de então, lançando alguns álbuns solo.

No final de 2003, a banda se reuniu e, além da indefectível turnê de volta, logo lançou o bom “Start From The Dark”, que também virou um DVD ao vivo. Provando que não estava nessa só enquanto a onda durasse, dois anos depois o Europe lançou “Secret Society” e, em 2009, “Last Look at Eden”, álbum que chegou em terra brasilis ano passado via Hellion Records.

O ditado “panela velha é que faz comida boa”, tradicional em Minas, se aplica ao trabalho do Europe. “Last Look at Eden” tem toda a energia que a banda apresentava nos anos de 1980, mas com todo um frescor e modernidade característicos do novo milênio. O quinteto formado por Joey Tempest (vocais), John Norum (guitarras), John Levén (baixo), Mic Michaeli (teclados) e Ian Haugland (bateria) parece em sua melhor fase em muitos anos e “Last Look at Eden” tem tudo que um fã da banda – e de hard rock em geral – pode querer. Músicas pesadas, como a faixa título, e “The Beast” dividem espaço com baladas ora vigorosas, como “Only Young Twice” e “New Love in Town”, ora bastante emotivas, como a que fecha o álbum. “In My Time” foi escrita por John Norum como uma declaração de amor à sua esposa, falecida em 2008.

Um dos grandes álbuns do hard rock atual, a versão nacional de “Last Look at Eden” traz ainda duas faixas de bônus: “Yesterday’s News” e “Wake up Call”, ambas gravadas em 2005, durante a turnê de “Start from the Dark”

Nota: 8/10

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s